sexta-feira, 5 de maio de 2017

Telemarketing



O ‘que é Telemarketing?
Telemarketing é um termo inglês criado por Nadji Tehrani no ano de 1982, e para entender seu significado precisamos dividir essa palavra em duas partes: TELE e MARKETING;
“Tele”, significa distância (derivado do grego “teles”), e “marketing”, segundo a definição de Theodore Levitt é “conquistar e manter clientes “.
Resumindo, o telemarketing significa conquistar e manter clientes à distância utilizando o telefone, mas na realidade significa transformar o telefone em uma arma comercial.

Conceito:
O Telemarketing designa a promoção de vendas e serviços por telefone (televendas), ou seja marketing pelo mesmo. Com o tempo, passou a designar também a telecobrança (cobrança via telefone), atendimento ao consumidor e o suporte técnico por telefone.                    
Atualmente o Telemarketing é feito, por empresas especializadas em trabalhos de divulgação e de orientação aos clientes em vários segmentos do mercado, e praticam suas operações em grandes ambientes denominados Call Centers ou Centrais de Atendimento.

As principais áreas ou ações realizadas pelo telemarketing são:

1. Apoio aos Vendedores Externos                                      
2.Vendas                                                                                           
3. Cobrança                      
4. Fidelização de Clientes                                                                
5. SAC – Serviço de Atendimento ao Cliente                                  
6. Atualização de Cadastros                                                                
7. Campanhas

Tipos de Telemarketing:

Telemarketing Ativo. Aquele em que os operadores de telemarketing entram em contato com o cliente, geralmente para vender produtos.

Telemarketing Receptivo. Aquele em que o cliente (ou possível cliente) entra em contato com o atendimento telefônico para fazer uma compra ou para pedir informações.

Aplicações do Telemarketing:


No Brasil, o Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) é o mais utilizado representando 29,5%, seguido por vendas 26,2%, pesquisa 14,8% e cobrança 13,1% e outras (agendamento de visitas, apoio para vendedor, confirmação de presença em eventos e atualização de cadastro) 16,4%.


As 10 vantagens do Telemarketing:

1. Interatividade: é a mídia mais pessoal e interativa que existe;

2. Flexibilidade: muitas operações são montadas durante um curto período para atender as exigências da empresa;

3. Replanejamento: a qualquer momento uma estratégia poder ser modificada, já que as informações de seu sucesso chegam rapidamente;

4. Otimização: num mesmo contato muitas informações podem ser repassadas ou cadastradas de um mesmo cliente;

5. Controle: é razoavelmente fácil controlar uma operação de telemarketing, já que todas as informações trafegam em sistema;

6. Foco: condições especiais de preço e conteúdo podem ser ofertadas para clientes da mesma empresa;

7. Cobertura: pode atingir distâncias continentais em segundos;

8. Comodidade: tanto para o comprador quanto para o vendedor;

9. Custo: é mais barato vender pelo telemarketing, pois os custos de comissões, estrutura e logística são muito menores do que em uma loja;

10.Velocidade: um operador de telemarketing pode efetuar 70 contatos com empresas no mesmo dia, já um vendedor de campo pode, em média, visitar 12 clientes.




Referências Bibliográficas:

JOHNSON, Neil. Os segredos do telemarketing. São Paulo: Littera Mundi, 2000. 302 p.

MARKETING FUTURO. O que é Telemarketing? Conceito e definição do termo. Disponível em: < http://marketingfuturo.com/o-que-e-telemarketing-conceito-e-termo/>. Acesso em: 28 de fevereiro de 2017.

PORTAL DA EDUCAÇÃO. Conceito de Telemarketing. 2013. Disponível em: <https://www.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/administracao/conceito-de-telemarketing/33205>. Acesso em: 28 de fevereiro de 2017.

WIKIPÉDIA. Telemarketing. Disponível em: <https://pt.wikipedia.org/wiki/Telemarketing>. Acesso em: 28 de fevereiro de 2017.